You are currently viewing E-commerce de semijoias: Como vender online?
E-commerce de semijoias

E-commerce de semijoias: Como vender online?

Ganhar dinheiro com um e-commerce de semijoias é uma das melhores formas de alcançar a liberdade financeira.

Por outro lado, apesar de cada vez mais o e-commerce se popularizar no mundo, ainda existem pessoas que não entendem como ele funciona.

Pensando nisso, hoje a Lu decidiu falar sobre como criar um e-commerce ideal para revender semijoias. Então, vamos lá?

O que é um e-commerce?

Começando pelo nome, portanto, e-commerce é uma palavra que se traduz como “Comércio Eletrônico”. Isso significa, então, que um e-commerce precisa da internet.

Os clientes são, portanto, os usuários que chegam na loja online e compram os produtos. Esses produtos, que no caso podem ser semijoias, são então despachados com todas as garantias fiscais.

Inclusive, caso você ainda tenha dúvidas sobre abrir um e-commerce de semijoias, a Lu já escreveu a respeito de alguns motivos para revender semijoias.

3 Dicas para um e-commerce de semijoias de sucesso

Agora vamos te dar algumas dicas valiosas para você ter um e-commerce de qualidade voltado assim para a venda de semijoias.

Dica 1: Cadastre os produtos adequadamente

Cadastrar produtos no e-commerce não se resume apenas a inserção de informação textual na descrição, portanto, sendo necessário considerar a parte visual também.

Para instigar seus clientes a comprarem as semijoias do seu e-commerce, você deve investir em fotos e imagens de qualidade que representem cada uma das peças à venda.

E não importa se você está usando uma plataforma apropriada para vendas ou redes sociais. Porque, na verdade, é com os olhos que as pessoas começam a desejar um produto.

Dica 2: Faça divulgação com marketing digital

Existem muitas formas de divulgar o seu e-commerce de semijoias utilizando do marketing digital. Veja três alternativas:

  • Pagando anúncios em soluções como o Facebook Ads e Google Ads;
  • Com as ferramentas dos próprios marketplaces (plataformas de vendas);
  • Fazendo uso adequado das redes sociais como uma vitrine para os produtos.

A melhor parte é que, se comparado ao marketing tradicional, o marketing digital é, assim, uma alternativa muito mais econômica e com maior grau de eficiência.

Dica 3: Ofereça várias formas de pagamento

Considere que vendas online podem ser feitas tanto pela utilização de cartões de crédito, débito, quanto por boleto e, agora também, por PIX.

Inclusive, há por então muitas soluções online baratas. E algumas até gratuitas que permitem operar diferentes formas de pagamento para oferecer aos seus clientes.

Quanto mais opções o cliente tiver à disposição, mais a vontade ele se sentirá para concluir uma compra no seu e-commerce de semijoias.  

O que é preciso para abrir um e-commerce de semijoias?

Existem três coisas que são essenciais para abrir um e-commerce de semijoias. São elas então:

  • Um bom fornecedor de semijoias, como a Lu Acessórios;
  • Uma boa logística de entrega;
  • Uma plataforma de vendas.

Com um bom fornecedor você terá a garantia de ter produtos de qualidade e um estoque sempre cheio para, sendo então capaz de atender a demanda. 

Já a logística de entrega envolve tanto a empresa entregadora, quanto também a forma como os itens irão embalados. Que deve ser adequado para proteger as semijoias.

Quanto à plataforma, é possível vender semijoias em marketplaces onde se vendem vários outros produtos. Também dá para usar as redes sociais ou criar um site próprio.

Caso as vendas aumentem muito, pode ser vantajoso abrir uma MEI. Dessa forma será possível também oferecer uma nota fiscal.

E-commerce de semijoias com a Lu acessórios

Agora fala pra Lu! Gostou de saber mais sobre e-commerce e como vender semijoias online? Então venha conhecer as semijoias da Lu acessórios, e conte com a nossa parceria.

Claro, não deixe de seguir o blog da Lu, onde postamos conteúdo novo e relevante todas as semanas.

Deixe um comentário